O futuro de um Universo (e algum do seu passado oculto) — Parte 1


O Universo Marvel Cinematográfico parece ter vindo para ficar até ao fim dos tempos ou, pelo menos, até nos fartarmos dele e o forçarmos a mudar-se para onde as franchises vão para morrer.

highlander_ii_the_quickening_xlg

“Alguém falou em matar franchises?”

Mas, até tal que tal altura chegue, há muito filme para fazer. De momento, está planeado o lançamento de 12 filmes ao longo dos próximos 4 anos, começando com o Avengers: Age of Ultron no próximo mês de Maio e terminando com The Inhumans em Julho de 2019.

São muitos filmes e, obviamente, ainda mais personagens. Ora, para que o público em geral não esteja completamente perdido em relação ao que aí vem, decidi usar o meu espaço aqui no Ministério para vos bombardear com alguma informação sobre as personagens que em breve terão o prazer (espero eu) de conhecer ou reconhecer no grande ecrã! E, claro, podem sempre usar este conhecimento para brilhar um bocado em festas, reuniões chatas, encontros românticos e outros eventos sociais¹. Este será o primeiro dos três artigos dedicados aos próximos doze filmes dos estúdios Marvel. Ora, comecemos então por ordem cronológica:

Avengers: Age of Ultron — 1 Maio de 2015

Qualquer fã de banda desenhada de super-heróis que se preze já ouviu falar de adamantium: um metal raro virtualmente indestrutível e particularmente famoso por cobrir o esqueleto e as garras do (ainda mais famoso) X-Men conhecido como Wolverine. Mas apesar do metal em questão ter sido sem dúvida popularizado pelo mutante peludo em questão, apareceu pela primeira vez no 66º número dos Vingadores. E quem foi o primeiro sortudo do Universo Marvel a ser protegido por uma couraça aconchegante de adamantium? O andróide epónimo deste filme, Ultron!

ultron 6

Ant-Man — 17 de Julho de 2015

O Homem-Formiga original é um cientista chamado Hank Pym e um membro fundador dos Vingadores. O segundo homem a usar o nome foi Scott Lang, um ladrão que deixou a sua vida de crime para trás. Este último vai ser o protagonista do filme. Menos conhecido e bem menos apropriado para um filme dirigido ao público geral é Eric O’ Grady, o terceiro Homem-Formiga. Um agente da S.H.I.E.L.D. particularmente detestável, Eric tomou o manto de Ant-Man quando decidiu roubar o fato para os mais nobres dos fins: engatar mulheres com o seu estatuto de super-herói (e espiá-las), atazanar a vida a pessoas, roubar e outras coisas igualmente agradáveis!

Claramente um exemplo a ser seguido por qualquer candidato às Olimpíadas da Cretinice!

Ant-Man-Wasp-Gentleman

Um cavalheiro como já não os há.

Captain America: Civil War — 6 de Maio de 2016

Entre as personagens que vão regressar neste filme está o Sam Wilson, o Falcão, interpretado por Anthony Mackie. Logo à primeira vista, damos com uma grande raridade no mundo da BD americana: os criadores conseguiram resistir à tentação de lhe chamar Black Falcon. A sério, é impressionante a quantidade de personagens negros que se chamam Black “Qualquer Coisa”.

Mas para além de não ter um nome estereotipado, Sam Wilson também não era em si um estereótipo: Era um membro produtivo da sociedade que trabalhava como assistente social e que, através de uma sequência de eventos que agora não são para aqui chamados, eventualmente se torna no parceiro do Capitão América. Ou pelo menos, assim foram as coisas durante uns tempos…

Pelo menos até decidirem que seria bem mais interessante que, na sua juventude, o Sam tivesse passado uns tempos como um criminoso profissional (cliché nº1) chamado “Snap” Wilson (cliché nº2). Eventualmente, para a coisa não parecer tão má, um outro escritor decidiu criar uma história trágica para justificar os tempos que o Falcão passou na carreira maravilhosa que é o crime organizado: a morte violenta (cliché nº3) da mãe (cliché nº4).

Mas calma, ainda não chegámos ao pico da estupidez! Aqui está uma das maravilhosas fatiotas que o homem usou durante a sua vida como criminoso profissional:

snap

Mais uma vez, um cavalheiro como já não os há.

Sem dúvida uma história cheia de classe e bom gosto.


¹ O Ministério informa de que não se responsabiliza por danos emocionais, fins de amizades ou qualquer outro tipo de resultado indesejado causado pela reprodução destas histórias em eventos como festas, reuniões chatas, encontros românticos e outros eventos sociais. Use esta informação por sua conta e risco.